Please enable JS
Hosco Recuperação de Storage NAS (ícone à esquerda superior)
MELHORES
RESULTADOS

EXPERIÊNCIA

20 anos de experiência comprovada em storages de rede com grande porte

CONFIANÇA

Procedimentos seguros em equipamentos modernos, por pessoal certificado

EFICIÊNCIA

Melhores resultados, através do uso de técnicas forenses e programação

CREDIBILIDADE

Equipe graduada e, legalmente, amparada para realizar os procedimentos


TÉCNICAS
EFICIENTES
Uso de softwares e scripts, mantidos por analistas de sistemas e de segurança, customizados para dispositivos degradados.
MÉTODOS
CONFIÁVEIS
Aplicação de técnicas forenses não-invasivas e seguras, em laboratório, garantindo a integridade do storage e dos dados.

PLATAFORMAS SUPORTADAS

APPLIANCES

EQUIP. DEDICADO

Aparelho, lacrado, com função exclusiva de storage em rede, tendo sistema Unix-like integrado e seus recursos pré-configurados pelo fabricante.

SERVIDORES

COMPUTADORES

Servidor tradicional (expansível e gerenciado por um operador ou administrador), com recursos de NAS providos por sistema Linux e/ou Unix.

PROTOCOLOS SUPORTADOS

NFS

NETWORK FS

Permite que volumes remotos sejam montados como unidades locais, sendo predominante em servidores NAS com clientes usando sistemas Unix.

SMB/SAMBA

MESSAGE BLOCK

Fornece compartilhamento de arquivos entre Linux e Windows. É necessário experiência em filesystems Unix para reparar dados nesses cenários.

FTP

FILE TRANSFER

Primeiro protocolo de rede (e mais usado) para transferência de arquivos entre cliente e servidor. Possui derivações, como SFTP, FTPS e TFTP.

HTTP

HYPERTEXT

Embora seja um protocolo de aplicação web, também é usado em servidores de grande porte que disponibilizam arquivos para download.

RSYNC

SYNC FILES

Muito usado na criação e gerenciamento de backups incrementais em cenários com distribuições Linux tradicionais. Seguro, rápido e eficiente.

NCP

NETWARE

Protocolo para integração e acesso a recursos entre server Novell NetWare e outros sistemas (Windows, Linux, etc.) - ainda em uso nos dias de hoje.

AFP

APPLETALK

Apple Filing Protocol é um padrão de rede, fechado, criado pela Apple, para fornecer serviços de acesso remoto a arquivos para o Mac OS e o macOS.

ISCSI

SCSI EM REDE

Fornece acesso veloz, em nível de bloco de dados, fazendo com que o storage NAS ofereça seus recursos do mesmo modo que um servidor SAN.

FABRICANTES ATENDIDOS

O serviço de recuperação abrange appliances, computadores e servidores NAS de todos os portes - desde equipamentos para demandas complexas (fornecidos por grandes fabricantes), até pequenos servidores montados para uso doméstico. Além dos fabricantes destacados, ainda há: Apple, Cisco, Linksys, Netgear, TEAC, entre outros. O atendimento também visa recuperar dados perdidos por controladoras avariadas.

IBM/LENOVO

V3500-7000, PX4, etc.

HP/HPE/3PAR

XP/XP7, DL, ML, etc.

DELL/EMC

Isilon, NX-32xx, etc.

ORACLE

ZS5-2, ZS7-2 e demais.

QNAP

TS 228a/231p, 431x, etc.

SYNOLOGY

DS216/218, DS151, etc.

D-LINK

DNS/DNR 320/327 e 202

SEAGATE

NAS PRO, 220, 400, etc.

Western Digital

My Cloud Ex2, 4100, etc.

LACIE

2big e 5big NAS Pro

ASUSTOR

AS1002t/4004t/6404t, etc.

IOMEGA

ix2, ix4, px2, px4 e px6

SISTEMAS ATENDIDOS

São realizados procedimentos nos sistemas baseados em kernel Unix/Linux e Microsoft, incluindo implementações de código proprietário e aberto. São suportados volumes controlados por hardware ou software (MD RAID, LVM, ZFS, etc.).

DEBIAN

OpenMediaVault, etc.

UBUNTU

Ubuntu Server, etc.

RED HAT

Red Hat Enterprise, etc.

CENTOS

Rockstor, Fedora, etc.

386BSD

OpenBSD e NetBSD

FREEBSD

FreeNAS, XigmaNAS, etc.

SOLARIS

NAS baseado em ZFS

OPENSOLARIS

NexentaStor e OpenIndiana

PROBLEMAS
FREQUENTES

Erros físicos em HD, SSD, LTO, etc.

Exclusão acidental de arquivos

Acidentes com tabela de partição

Monitoração precária de discos

Falha em controladoras de drive

Erros lógicos por ações dolosas

Falha em processo de migração

Dano por acesso não autorizado

Um storage danificado deve ter seus drives desligados imediatamente

Fluxo de TRABALHO

A Hosco usa protocolos periciais em seus processos, para garantir integridade do storage e de seus dados. Ainda, são usados equipamentos apropriados para cada drive de armazenamento corrompido, os quais são manipulados em local com controle de partículas e temperatura. As estratégias de recuperação são elaboradas por pessoal qualificado (assim como todas as etapas do trabalho) e a verificação de integridade dos dados é feita por um programador formado. São essas e outras qualidades que garantem maior índice de sucesso nos trabalhos realizados pela empresa.

DIAGNÓSTICO

Análise dos dispositivos

RECONSTRUÇÃO

Reconstrução de arquivos

ESTABILIZAÇÃO

Dispositivos normalizados

VERIFICAÇÃO

Teste de integridade

PLANEJAMENTO

Criação de algoritmo

FINALIZAÇÃO

Fim do trabalho

EXTRAÇÃO

Extração de blocos

ENTREGA

Entrega dos dados


SOBRE NAS

NAS (Network-Attached Storage) é uma arquitetura de armazenamento em rede - comumente usada em redes ethernet locais - que fornece acesso (leitura e escrita) em nível de sistema de arquivos, mediado por serviços NFS (network file system), CIFS (common internet file system), SMB (server message block), entre outros. Instalações bem planejadas e com sistemas mais robustos, como ZFS e BTRFS, podem oferecer alta disponibilidade e resiliência - incluindo funções de auto reparo (realocação) de blocos. Também é usado em residências e pequenas empresas, através de appliances de baixo custo.
Sobre NAS
A cronologia dos storages em rede começa, em 1983, com o lançamento do protocolo NCP, possibilitando acesso a sistemas remotos baseados em Novell NetWare. No ano seguinte, a Sun Microsystems lançava o protocolo NFS - sendo, até hoje, um dos protocolos mais usados em servidores de compartilhamento de arquivos. Consequentemente, outras empresas vieram a lançar seus protocolos e serviços de armazenamento.
Os sistemas customizados para NAS mais conhecidos são: FreeNAS, XigmaNAS (previamente chamado NAS4Free) e OpenMediaVault. Eles são fáceis de instalar (para uso comum, sem otimizações), leves e estáveis. O FreeNAS e NAS4Free - baseados em FreeBSD - fornecem suporte nativo a ZFS (incluindo RAID-Z), e o OpenMediaVault - baseado em Debian - suporta BTRFS. Eles proporcionam diversas vantagens quando bem implementados.
Sobre NAS

INCIDENTES

A perda de dados em servidores NAS de pequeno porte está relacionada com monitoração inadequada das mídias de armazenamento (HD, SSD, etc.), falta de conhecimento técnico para interpretar mensagens de alerta emitidos pelo kernel ou sistema. A perda de acesso ao conteúdo desses storages ocorre, majoritariamente, devido a degradação de discos.
Em relação as corporações de grande e médio porte, predominam fatalidades durante procedimentos de migração e upgrade. São mais esporádicas as situações de perda de arquivos por drives defeituosos, em razão de um melhor gerenciamento.
Incidente em NAS
Um storage com dispositivos de armazenamento corrompidos apresenta reações adversas (lentidão, travamentos e picos de processamento) em seus serviços de compartilhamento de arquivos (SAMBA, NFS, etc.), nas threads de kernel relacionadas com I/O de disco e nos drivers de file systems. As máquinas clientes terão elevada latência e taxa de transferência reduzida durante o acesso aos recursos do servidor.
Os danos de origem lógica são ocasionados por intervenção humana - ações culposas de imperícia (exclusão de dados e comprometimento de metadados) e ações dolosas (comprometimento e exclusão proposital de conteúdo). O último pode ter relação com cybercrimes e invasão de sistemas. Também existe o fenômeno write hole, que pode levar a inconsistência de dados em certas tecnologias RAID. A Hosco foi a primeira empresa brasileira de recuperação a abordar esse tema.
Incidente em NAS

SOLUÇÕES

A Hosco Tecnologia é conhecida por ser a única empresa brasileira de recuperação de dados, composta de pessoas graduadas que têm longa experiência real em gerenciamento de storages Unix, assim como certificações nessas plataformas, ocupando posição de destaque no reparo de dados em NAS danificado.
A equipe também possui um extenso currículo em implementação de volumes RAID MD, filesystems centralizados de grande capacidade (ZFS, BTRFS, UFS, VxFS, etc.), sistemas distribuídos (como o NFS) e recuperação em HDs danificados. Portanto, seus métodos garantem a preservação dos dispositivos de armazenamento e a consistência de seus conteúdos.
Hosco Tecnologia - Soluções para Recuperação em RAID
Os procedimentos de perícia e reparo são elaborados por um analista de sistemas e segurança da informação, com certificação LPIC Linux e MCP Microsoft. Todas as rotinas de trabalho são executadas na própria empresa e pelos seus funcionários.
A equipe tem capacidade para investigar drives reservados para cache e logs transacionais, comuns em tecnologias com volumes e sistemas de arquivos integrados. Essa etapa é essencial para garantir a integridade dos arquivos e, aliada a um conjunto de melhores práticas, garante elevado índice de sucesso.
Um NAS com dados inacessíveis deve ser, imediatamente, encaminhado para uma empresa especializada nesse tipo de incidente (como a Hosco Tecnologia). Deve-se evitar tentativas de reparo fora de ambiente profissional porque agravam o problema, podendo encarecer ou até inviabilizar o trabalho de recuperação.
Soluções para Recuperação em RAID